Novembro 2020

CircOOnferência

Circo Contemporâneo | Guimarães

A performance “CircOOnferência” está de regresso ás escolas de Guimarães! Tudo em equilíbrio seguindo as normas ds DGS.
Criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, Centro Cultural Vila Flor.
Direção Artística e Interpretação: António Franco de Oliveira
Dramaturgia e Figurinos: Julieta Rodrigues

CircOOnferência

Circo Contemporâneo | Guimarães

A performance “CircOOnferência” está de regresso ás escolas de Guimarães! Tudo em equilíbrio seguindo as normas ds DGS.
Criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, Centro Cultural Vila Flor.
Direção Artística e Interpretação: António Franco de Oliveira
Dramaturgia e Figurinos: Julieta Rodrigues

CircOOnferência

Circo Contemporâneo | Guimarães

A performance “CircOOnferência” está de regresso ás escolas de Guimarães! Tudo em equilíbrio seguindo as normas ds DGS.
Criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, Centro Cultural Vila Flor.
Direção Artística e Interpretação: António Franco de Oliveira
Dramaturgia e Figurinos: Julieta Rodrigues

Outubro 2020

CircOOnferência

Circo Contemporâneo | Guimarães

A performance “CircOOnferência” está de regresso ás escolas de Guimarães! Tudo em equilíbrio seguindo as normas ds DGS.
Criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, Centro Cultural Vila Flor.
Direção Artística e Interpretação: António Franco de Oliveira
Fotografia por: Miguel Oliveira “in” Trengo – Festival de Circo do Porto.

CircOOnferência

Circo Contemporâneo | Guimarães

A performance “CircOOnferência” está de regresso ás escolas de Guimarães! Tudo em equilíbrio seguindo as normas ds DGS.
Criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, Centro Cultural Vila Flor.
Direção Artística e Interpretação: António Franco de Oliveira
Fotografia por: Miguel Oliveira “in” Trengo – Festival de Circo do Porto.

SETEMBRO 2020

ARQUÉTIPO

DANÇA & ACROBACIA | 05 Set. 22h30, Convento de São Francisco, Coimbra | 06 e 13 Set. 19h, Feira do Livro, Porto

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! A linguagem artística do projecto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea. ADe facto, ele não è o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado!

Direção Artística e Sonoplastia: António Franco de Oliveira
Bailarinos | Intérpretes: João Santiago e Joana Martins
Maquinistas | Intérpretes: Julieta Rodrigues, Rui Azevedo
Cenografia: Américo Castanheira
Figurinos: Julieta Rodrigues
Co produção: Radar 360º Associação Cultural,   Festival DDD OUT Corpo + Cidade , Festival Trengo, Festival Vaudeville Rendez Vous
Apoio á criação: Fundação GDA 

Dias:
05 Setembro, Coimbra, Convento São Francisco. + Info’s aqui!
06 e 13 Setembro, 19h,  Porto, Palácio de Cristal

ARQUÉTIPO

DANÇA & ACROBACIA | 05 Set. 22h30, Convento de São Francisco, Coimbra | 06 e 13 Set. 19h, Feira do Livro, Porto

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! A linguagem artística do projecto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea.
De facto, ele não è o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado!

Direção Artística e Sonoplastia: António Franco de Oliveira

Bailarinos | Intérpretes: João Santiago e Joana Martins

Maquinistas | Intérpretes: Julieta Rodrigues, Rui Azevedo

Cenografia: Américo Castanheira 
Figurinos: Julieta Rodrigues 

Co produção: Radar 360º Associação Cultural,   Festival DDD OUT Corpo + Cidade , Festival Trengo, Festival Vaudeville Rendez Vous
Apoio á criação: Fundação GDA 

05 Setembro, Coimbra, Convento São Francisco. + Info’s aqui!

06 e 13 Setembro, 19h,  Porto, Palácio de Cristal

ARQUÉTIPO

DANÇA & ACROBACIA | 05 Set. 22h30, Convento de São Francisco, Coimbra | 06 e 13 Set. 19h, Feira do Livro, Porto

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! A linguagem artística do projecto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea.
De facto, ele não è o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado!

Direção Artística e Sonoplastia: António Franco de Oliveira

Bailarinos | Intérpretes: João Santiago e Joana Martins

Maquinistas | Intérpretes: Julieta Rodrigues, Rui Azevedo

Cenografia: Américo Castanheira 
Figurinos: Julieta Rodrigues 

Co produção: Radar 360º Associação Cultural,   Festival DDD OUT Corpo + Cidade , Festival Trengo, Festival Vaudeville Rendez Vous

Apoio á criação: Fundação GDA 


05 Setembro, Coimbra, Convento São Francisco. + Info’s aqui!
06 e 13 Setembro, 19h,  Porto, Palácio de Cristal

AGOSTO 2020

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
C.M Famalicão

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

HISTÓRIAS SUSPENSAS

TEATRO-CIRCO, DIA 02 ás 16h e 18h, Matosinhos

Imaginamos três narradores de histórias. O corpo e a voz saltam para dentro das histórias, agindo e reagindo através de voos, voltas e reviravoltas. Criam-se desvios que nos levam a outras pequenas histórias. A ideia de suspensão acontece na acção e no enredo, que surpreende a cada momento. O Tempo nas histórias, ou pára ou passa muito rápido… aqui suspende-se no olhar de quem assiste e partilha esta aventura! O que vem a seguir?!

Direção Artística: Joana Providência
Intérpretes e Co-criadores: António Franco de Oliveira, Julieta Rodrigues e Rui Paixão
Cenário: A2G Arquitectura – Ângela Frias e Gonçalo Dias
Figurinos: Julieta Rodrigues
Adereços: Suzete Rebelo
Sonoplastia: Flanco
Coordenação Técnica, Cenografia e Operação de Som: Emanuel Santos

Matosinhos, no Jardim do Senhor do Padrão, 16h e 18h;
É gratuito mas deverão levantar os bilhetes perto do local, no posto de turismo até às 13h!

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ESTREIA DIA 09 ÁS 19H, FAMALICÃO

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
C.M Famalicão

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

JULHO 2020

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos
alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os
riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma
das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus
artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo
contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
C.M Famalicão

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
C.M Famalicão

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
C.M Famalicão

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

JUNHO 2021

Pequena CircOOnferência

Alcobaça, Pombal, Setúbal e Tomar

Este projeto é um work-in-progress, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que estreou dia 31 Maio de 2021. Inspirados nos diferentes registos bibliográficos, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria História! O percurso não é linear, e a ideia é agitar, fazer refletir, formar massa crítica. Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral.

Há Festa no Parque:
Setúbal – Jardim do Bonfim, 04 Junho,
11h e ás 15h;

Manobras – Festival internacional de Marionetas e Formas Animadas:
ALCOBAÇA   Anfiteatro da Praça João de Deus Ramos (junto ao Tribunal de Alcobaça) | 12 de junho de 2021, sábado, às 15:00
POMBAL   Jardim do Cardal | 6 de junho de 2021, domingo, às 16:00
TOMAR   Mouchão | 13 de junho de 2021, domingo, às 15:00

CircOOnferência

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor, 01 Junho, dia Mundial da Criança

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!

Direção Artística: António Franco de Oliveira;



Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;



Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;



Composição musical:
 Carlos Adolfo;Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha;



Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;



Rigging:
 Pedro Pacheco;



Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;



Construção Grua:
 Metalva;



Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;



Fotografia: A Oficina

Pequena CircOOnferência

Alcobaça, Pombal, Setúbal e Tomar

Este projeto é um work-in-progress, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que estreou dia 31 Maio de 2021. Inspirados nos diferentes registos bibliográficos, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria História! O percurso não é linear, e a ideia é agitar, fazer refletir, formar massa crítica. Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral.

Há Festa no Parque:
 Setúbal – Jardim do Bonfim, 04 Junho,
11h e ás 15h;
Manobras – Festival internacional de Marionetas e Formas Animadas:

ALCOBAÇA   Anfiteatro da Praça João de Deus Ramos (junto ao Tribunal de Alcobaça)
12 de junho de 2021, sábado, às 15:00

POMBAL   Jardim do Cardal | 6 de junho de 2021, domingo, às 16:00

TOMAR   Mouchão | 13 de junho de 2021, domingo, às 15:00

CircOOnferência

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor, 01 Junho, dia Mundial da Criança

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!


Direção Artística: António Franco de Oliveira;


Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;


Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;


Composição musical:
 Carlos Adolfo;Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha;


Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;


Rigging:
 Pedro Pacheco;


Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;


Construção Grua:
 Metalva;


Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;


Fotografia: A Oficina

Pequena CircOOnferência

Alcobaça, Pombal, Setúbal e Tomar

Este projeto é um work-in-progress, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que estreou dia 31 Maio de 2021. Inspirados nos diferentes registos bibliográficos, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria História! O percurso não é linear, e a ideia é agitar, fazer refletir, formar massa crítica. Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral.

Há Festa no Parque:
 Setúbal – Jardim do Bonfim, 04 Junho,
11h e ás 15h;
Manobras – Festival internacional de Marionetas e Formas Animadas:

ALCOBAÇA   Anfiteatro da Praça João de Deus Ramos (junto ao Tribunal de Alcobaça)
12 de junho de 2021, sábado, às 15:00

POMBAL   Jardim do Cardal | 6 de junho de 2021, domingo, às 16:00

TOMAR   Mouchão | 13 de junho de 2021, domingo, às 15:00

CircOOnferência

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor, 01 Junho, dia Mundial da Criança

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!
Direção Artística: António Franco de Oliveira;


Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;


Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;


Composição musical:
 Carlos Adolfo;Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha;


Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;


Rigging:
 Pedro Pacheco;


Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;


Construção Grua:
 Metalva;


Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;


Fotografia: A Oficina

MAIO 2021

CircOOnferência | ESTREIA

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor | 31 Maio | 16h

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!

Direção Artística: António Franco de Oliveira;

Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;

Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;

Composição musical:
 Carlos Adolfo;

Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha;

Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;

Rigging:
 Pedro Pacheco;

Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;

Construção Grua:
 Metalva.

Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;

Fotografia: Teresa Couto

O BAILE DOS CANDEEIROS

Seixal, Largo da Igreja| 14 Maio | 21h

Candeeiros humanos, autónomos, espalhados por pontos estratégicos, transformam os espaços que habitam e deslocam-se através deles com movimentos específicos: acendem, apagam, respiram, interagem…
O programa é da autoria do Mural 18, a nova plataforma cultural que reúne os 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa.

ARQUÉTIPO

Município de Abrantes | Polidesportivo Rossio ao Sul do Tejo | 18h30

A peça Arquétipo” vai ser apresentada no município de Abrantes! É uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o amor na sociedade contemporânea.
A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea.
De facto, ele não é o Romeu…e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado!
Lotação limitada.

Intérpretes fotografia:
Joana Martins, João Santiago;

Fotografia:
Teresa Couto

ARQUÉTIPO | PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

MANOBRAS | Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas

As peças “Arquétipo” e “Pequena CircOOnferência” vão ser apresentadas no âmbito do Festtival Internacional de Marionetas e Formas Animadas – MANOBRAS, pela Artemrede.

+ Info’s aqui!

 

CircOOnferência | ESTREIA

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor | 31 Maio | 16h

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!

Direção Artística: António Franco de Oliveira;



Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;



Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;



Composição musical:
 Carlos Adolfo;

Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha

;

Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;



Rigging:
 Pedro Pacheco;



Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;



Construção Grua:
 Metalva.



Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;



Fotografia: Teresa Couto

O BAILE DOS CANDEEIROS

Seixal, Largo da Igreja| 14 Maio | 21h

Candeeiros humanos, autónomos, espalhados por pontos estratégicos, transformam os espaços que habitam e deslocam-se através deles com movimentos específicos: acendem, apagam, respiram, interagem…
O programa é da autoria do Mural 18, a nova plataforma cultural que reúne os 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa.

ARQUÉTIPO

Município de Abrantes | Polidesportivo Rossio ao Sul do Tejo | 18h30

A peça Arquétipo” vai ser apresentada no município de Abrantes! É uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o amor na sociedade contemporânea.
A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea.
De facto, ele não é o Romeu…e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado! 
Lotação limitada.
Intérpretes fotografia:
Joana Martins, João Santiago;
Fotografia:
Teresa Couto

ARQUÉTIPO | PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

MANOBRAS  |  
Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas

As peças “Arquétipo” e “Pequena CircOOnferência” vão ser apresentadas no âmbito do Festtival Internacional de Marionetas e Formas Animadas – MANOBRAS, pela Artemrede.
+ Info’s aqui!

CircOOnferência | ESTREIA

Guimarães, Jardins do Centro Cultural Vila Flor | 31 Maio | 16h

CircOOnferência é uma conferência performativa sobre Circo!
Inspirados nos diferentes registos bibliográficos da História do Circo, nas diferentes correntes estéticas e artísticas, fomentamos a vontade de ficcionar uma história, a partir dos factos da sua própria história! Antípoda por natureza, poético, rebelde e sonhador, o imaginário circense faz parte da memória coletiva do público em geral. CircOOnferência é uma escrita circense, doseada com elementos de humor, risco e poesia, transversal a todas as gerações!

Direção Artística: António Franco de Oliveira;



Intérpretes: 
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias;



Dramaturgia e Figurinos:
 Julieta Rodrigues;



Composição musical:
 Carlos Adolfo;

Mistura | Masterização Audio: Tiago Ralha

;

Coordenação técnica e adereços:
 Rui Azevedo;



Rigging:
 Pedro Pacheco;



Engenheiro Cenário Grua:
 Edgar Carvalho;



Construção Grua:
 Metalva.



Co-Produção: 
A Oficina | Guimarães e Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery;



Fotografia: Teresa Couto

O BAILE DOS CANDEEIROS

Seixal, Largo da Igreja| 14 Maio | 21h

Candeeiros humanos, autónomos, espalhados por pontos estratégicos, transformam os espaços que habitam e deslocam-se através deles com movimentos específicos: acendem, apagam, respiram, interagem…
O programaé da autoria do Mural 18, a nova plataforma cultural que reúne os 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa.

ARQUÉTIPO

Município de Abrantes | Polidesportivo Rossio ao Sul do Tejo | 18h30

A peça Arquétipo” vai ser apresentada no município de Abrantes! É uma performance escrita para o espaço público, que convida o espectador a refletir sobre o amor na sociedade contemporânea.
 A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea.
 De facto, ele não é o Romeu…e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado! 
Lotação limitada.
Intérpretes fotografia:
 Joana Martins, João Santiago;
Fotografia:
 Teresa Couto

ARQUÉTIPO | PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

MANOBRAS | 
Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas

As peças “Arquétipo” e “Pequena CircOOnferência” vão ser apresentadas no âmbito do Festtival Internacional de Marionetas e Formas Animadas – MANOBRAS, pela Artemrede.
+ Info’s aqui!

ABRIL 2020

MARÇO | ABRIL 2021

CircOOnferência

Criação 2021| Residência Artística
Creation 2021 | Artistic Residency

Com estreia marcada no dia 30 de Maio de 2021 em Guimarães, no jardim exterior do Centro Cultural Vila Flor, demos início á primeira residência da artística!
A peça tem a direção artística de António Franco de Oliveira e é interpretada por António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias, com o apoio á dramaturgia e figurinos de Julieta Rodrigues, a composição musical de Carlos Adolfo e a coordenação técnica de Rui Azevedo.
A fotografia é de Teresa Couto!
Mais infos em breve.

Agradecimento especial: Real Vinícola, Matosinhos.

Coprodução: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

__________________________________________________________________________________________________________________

We’ve started the first artistic residence of the new upcoming show. The premiere will take place on the 30th of May in Guimarães,
at the garden of Vila Flor Cultural Centre.
The show will be directed by António Franco de Oliveira and the cast is:
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan & Pedro Matias.
The dramaturgy and costumes is from Julieta Rodrigues, the musical composition from Carlos Adolfo and the technical coordination is by Rui Azevedo. 
Photography by: Teresa Couto!
More info’s soon.
Special thanks to: Real Vinícola, Matosinhos.
Co-production: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

CircOOnferência

Criação 2021| Residência Artística
Creation 2021 | Artistic Residency

Com estreia marcada no dia 30 de Maio de 2021 em Guimarães, no jardim exterior do Centro Cultural Vila Flor, demos início á primeira residência da artística! 
A peça tem a direção artística de António Franco de Oliveira e é interpretada por António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias, com o apoio á dramaturgia e figurinos de Julieta Rodrigues, a composição musical de Carlos Adolfo e a coordenação técnica de Rui Azevedo. 
A fotografia é de Teresa Couto!
Mais infos em breve.
Agradecimento especial: Real Vinícola, Matosinhos.
Coprodução: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

____________________________________________________________________________________________

We’ve started the first artistic residence of the new upcoming show. The premiere will take place on the 30th of May in Guimarães, at the garden of Vila Flor Cultural Centre.
The show will be directed by António Franco de Oliveira and the cast is:
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan & Pedro Matias.
The dramaturgy and costumes is from Julieta Rodrigues, the musical composition from Carlos Adolfo and the technical coordination is by Rui Azevedo. 
Photography by: Teresa Couto!
More info’s soon.
Special thanks to: Real Vinícola, Matosinhos.
Co-production: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

CircOOnferência

Criação 2021| Residência Artística
Creation 2021 | Artistic Residency

Com estreia marcada no dia 30 de Maio de 2021 em Guimarães, no jardim exterior do Centro Cultural Vila Flor, demos início á primeira residência da artística! 
A peça tem a direção artística de António Franco de Oliveira e é interpretada por António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan e Pedro Matias, com o apoio á dramaturgia e figurinos de Julieta Rodrigues, a composição musical de Carlos Adolfo e a coordenação técnica de Rui Azevedo. 
A fotografia é de Teresa Couto!
Mais infos em breve.
Agradecimento especial: Real Vinícola, Matosinhos.
Coprodução: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

_______________________________

We’ve started the first artistic residence of the new upcoming show. The premiere will take place on the 30th of May in Guimarães, at the garden of Vila Flor Cultural Centre.
The show will be directed by António Franco de Oliveira and the cast is:
António Franco de Oliveira, Deeogo Oliveira, Filipe Conteras, Nathalia Furlan & Pedro Matias.
The dramaturgy and costumes is from Julieta Rodrigues, the musical composition from Carlos Adolfo and the technical coordination is by Rui Azevedo. 
Photography by: Teresa Couto!
More info’s soon.
Special thanks to: Real Vinícola, Matosinhos.
Co-production: A Oficina, Cine Teatro Constantino Nery;

FEVEREIRO 2021

Formação Artes | Arts Workshops

Manipula-Ação | Laboratório de Malabarismo Contemporâneo + Balleteatrinho
Manipula-Ação | Contemporary Juggling LAB + Balleteatrinho

O Serviço Educativo do Balleteatro convidou o António para orientar duas ações de formação:
“Manipula-Ação”, que vai decorrer no âmbito do Laboratório de Formação em Artes Performativas e “Perdido e Achado”, no âmbito do Balleteatrinho.

Manipula-Ação é um Laboratório de Malabarismo Contemporâneo que foca a abordagem pedagógica na descoberta e na exploração dos gestos do manipulador e na relação entre o corpo, o espaço e o objeto. Info’s aqui!

Perdido e Achado é um atelier onde os participantes são convidados a experimentar o movimento e a interpretação de uma obra literária infantil. Info’s aqui!

Fotografia: Teresa Couto;

Artista Fotografia: António Franco de Oliveira

__________________________________________________________________________________________________________________

The Educational Service from Balleteatro, invited António to direct two workshops.
Manipula-Ação, which is a Contemporary Juggling Workshop – Info’s here, and Perdido e Achado (Lost & Found) that is a movement workshop based on the book Lost & Found, info’s here.

Photography: Teresa Couto

Artist in Photography: António Franco de Oliveira

Formação Artes | Arts Workshops

Manipula-Ação | Laboratório de Malabarismo Contemporâneo + Balleteatrinho
Manipula-Ação | Contemporary Juggling LAB + Balleteatrinho

O Serviço Educativo do Balleteatro convidou o António para orientar duas ações de formação:
”Manipula-Ação”, que vai decorrer no âmbito do Laboratório de Formação em Artes Performativas e “Perdido e Achado”, no âmbito do Balleteatrinho.
Manipula-Ação é um Laboratório de Malabarismo Contemporâneo que foca a abordagem pedagógica na descoberta e na exploração dos gestos do manipulador e na relação entre o corpo, o espaço e o objeto. Info’s aqui!
Perdido e Achado é um atelier onde os participantes são convidados a experimentar o movimento e a interpretação de uma obra literária infantil. Info’s aqui!
Fotografia: Teresa Couto;
Artista Fotografia: António Franco de Oliveira
____________________________________________________________________________________________

The Educational Service from Balleteatro, invited António to direct two workshops.
Manipula-Ação, which is a Contemporary Juggling Workshop – Info’s here, and Perdido e Achado (Lost & Found) that is a movement workshop based on the book Lost & Found, info’s here.
Photography: Teresa Couto
Artist in Photography: António Franco de Oliveira 

Formação Artes | Arts Workshops

Manipula-Ação | Laboratório de Malabarismo Contemporâneo + Balleteatrinho
Manipula-Ação | Contemporary Juggling LAB + Balleteatrinho

O Serviço Educativo do Balleteatro convidou o António para orientar duas ações de formação:
”Manipula-Ação”, que vai decorrer no âmbito do Laboratório de Formação em Artes Performativas e “Perdido e Achado”, no âmbito do Balleteatrinho.
Manipula-Ação é um Laboratório de Malabarismo Contemporâneo que foca a abordagem pedagógica na descoberta e na exploração dos gestos do manipulador e na relação entre o corpo, o espaço e o objeto. Info’s aqui!
Perdido e Achado é um atelier onde os participantes são convidados a experimentar o movimento e a interpretação de uma obra literária infantil. Info’s aqui!
Fotografia: Teresa Couto;
Artista Fotografia: António Franco de Oliveira
_______________________________

The Educational Service from Balleteatro, invited António to direct two workshops.
Manipula-Ação, which is a Contemporary Juggling Workshop – Info’s here, and Perdido e Achado (Lost & Found) that is a movement workshop based on the book Lost & Found, info’s here.
Photography: Teresa Couto
Artist in Photography: António Franco de Oliveira

JANEIRO 2021

HORIZONTES 360º | HORIZONS 360º

ACTIVIDADES CULTURAIS 2021
CULTURAL ACTIVITIES 2O21

Olhamos o horizonte com esperança!
Referimos as próximas atividades culturais da Companhia RADAR 360º para o ano de 2021:

  • Adaptação da Performance “Pequena CircOOnferência” para vídeo;
  • Ensaios para a nova criação “CircOOnferência”;
  • Circulação a partir do mês de Abril com alguns dos espetáculos em digressão nesta temporada:
    – O Baile dos Candeeiros, Histórias Suspensas, Arquétipo, Pequena CircOOnferência.

Fotografia: Teresa Couto;
Intérprete Fotografia: Viriato Morais in “Transportadores”.

___________________________________________________________________________________________________________________

We look in the horizon with hope!
Here are the following activities from the Company RADAR 360º for the year of 2021:

  • Adaptation for video from the performance “Pequena CircOOnferência” (Small Circumference);
  • Rehearses for the upcoming show “CircOOnferência” (Circumference);
  • Touring starts in April with some of the shows available for this season:
  • The Ball of the Lamps (O Baile dos Candeeiros), Suspended Stories (Histórias Suspensas), Archetype (Arquétipo), Small Circumference (Pequena CircOOnferência).

Photography: Teresa Couto;
Actor in Photo: Viriato Morais in “Transportadores”.

HORIZONTES 360º | HORIZONS 360º

ACTIVIDADES CULTURAIS 2021 | CULTURAL ACTIVITIES 2O21

Olhamos o horizonte com esperança! 
Referimos as próximas atividades culturais da Companhia RADAR 360º para o ano de 2021:

  • Adaptação da Performance “Pequena CircOOnferência” para vídeo;
  • Ensaios para a nova criação “CircOOnferência”;
  • Circulação a partir do mês de Abril com alguns dos espetáculos em digressão nesta temporada:
 O Baile dos Candeeiros, Histórias Suspensas, Arquétipo, Pequena CircOOnferência.

    Fotografia: Teresa Couto;

    Intérprete Fotografia: Viriato Morais in “Transportadores”.
    ____________________________________________________________________________

    We look in the horizon with hope! 
Here are the following activities from the Company RADAR 360º for the year of 2021:

  • Adaptation for video from the performance “Pequena CircOOnferência” (Small Circumference);
  • Rehearses for the upcoming show “CircOOnferência” (Circumference);
  • Touring starts in April with some of the shows available for this season: The Ball of the Lamps (O Baile dos Candeeiros), Suspended Stories (Histórias Suspensas), Archetype (Arquétipo), Small Circumference (Pequena CircOOnferência).

Photography: Teresa Couto;

Actor in Photo: Viriato Morais in “Transportadores”.

HORIZONTES 360º | HORIZONS 360º

ACTIVIDADES CULTURAIS 2021 | CULTURAL ACTIVITIES 2O21

Olhamos o horizonte com esperança! 
Referimos as próximas atividades culturais da Companhia RADAR 360º para o ano de 2021:

  • Adaptação da Performance “Pequena CircOOnferência” para vídeo;
  • Ensaios para a nova criação “CircOOnferência”;
  • Circulação a partir do mês de Abril com alguns dos espetáculos em digressão nesta temporada:
 O Baile dos Candeeiros, Histórias Suspensas, Arquétipo, Pequena CircOOnferência.
    Fotografia: Teresa Couto;

    Intérprete Fotografia: Viriato Morais in “Transportadores”.
    _______________________________

    We look in the horizon with hope! 
Here are the following activities from the Company RADAR 360º for the year of 2021:

  • Adaptation for video from the performance “Pequena CircOOnferência” (Small Circumference);
  • Rehearses for the upcoming show “CircOOnferência” (Circumference);
  • Touring starts in April with some of the shows available for this season:
  • The Ball of the Lamps (O Baile dos Candeeiros), Suspended Stories (Histórias Suspensas), Archetype (Arquétipo), Small Circumference (Pequena CircOOnferência).
    Photography: Teresa Couto;

    Actor in Photo: Viriato Morais in “Transportadores”.