AGOSTO 2020

HISTÓRIAS SUSPENSAS

TEATRO-CIRCO, DIA 02 ás 16h e 18h, Matosinhos

Imaginamos três narradores de histórias. O corpo e a voz saltam para dentro das histórias, agindo e reagindo através de voos, voltas e reviravoltas. Criam-se desvios que nos levam a outras pequenas histórias. A ideia de suspensão acontece na acção e no enredo, que surpreende a cada momento. O Tempo nas histórias, ou pára ou passa muito rápido… aqui suspende-se no olhar de quem assiste e partilha esta aventura! O que vem a seguir?!

Direção Artística: Joana Providência
Intérpretes e Co-criadores: António Franco de Oliveira, Julieta Rodrigues e Rui Paixão
Cenário: A2G Arquitectura – Ângela Frias e Gonçalo Dias
Figurinos: Julieta Rodrigues
Adereços: Suzete Rebelo
Sonoplastia: Flanco
Coordenação Técnica, Cenografia e Operação de Som: Emanuel Santos

Matosinhos, no Jardim do Senhor do Padrão, 16h e 18h;
É gratuito mas deverão levantar os bilhetes perto do local, no posto de turismo até às 13h!

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ESTREIA DIA 09 ÁS 19H, FAMALICÃO

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos
alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os
riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma
das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus
artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo
contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

TEATRO AMADOR DE POMBAL 360º

RESIDÊNCIA ARTÍSTICA - CRIAÇÃO

O encontro artístico entre a Companhia RADAR 360º e o TAP já tem um passado em comum! As horas passadas em sala de ensaios a explorar personagens e situações insólitas, deram para concluir que há algo que nos aproxima, e numa primeira instância diríamos que o nosso lugar comum, é o sentido de humor que partilhamos inspirado pelo absurdo da própria vida! Segundo Albert Camus, “O absurdo é a razão lúcida que constata os seus limites.” Seremos então absurdos! Algures entre a dimensão onírica e o humor negro que caracteriza o imaginário da Companhia RADAR 360º, o nosso trabalho com o TAP encontra a sua expressão estética e artística no universo do absurdo! Vamos dar início ao processo criativo!

PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

CICLO DE CIRCO TRENGOLAS, DIA 30 , PORTO

Pequena CircOOnferência é uma conferência sobre o circo!
Dedicada ao pequeno público, a performance flutua entre o rigor histórico da História do Circo Europeu, e a dimensão onírica de um historiador que aspira ser um artista de Circo.
Este projeto é um “Work-in-Progress”, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que irá estrear em 2021.

Direção Artística e Interpretação – António Franco de Oliveira
Dramaturgia e Figurinos – Julieta Rodrigues
Apoio Técnico – Bernardo Santo Tirso

11h e 12h, Jardim de São Roque, Porto

HISTÓRIAS SUSPENSAS

TEATRO-CIRCO, DIA 02 ás 16h e 18h, Matosinhos

Imaginamos três narradores de histórias. O corpo e a voz saltam para dentro das histórias, agindo e reagindo através de voos, voltas e reviravoltas. Criam-se desvios que nos levam a outras pequenas histórias. A ideia de suspensão acontece na acção e no enredo, que surpreende a cada momento. O Tempo nas histórias, ou pára ou passa muito rápido… aqui suspende-se no olhar de quem assiste e partilha esta aventura! O que vem a seguir?!
Direção Artística: Joana Providência
Intérpretes e Co-criadores: António Franco de Oliveira, Julieta Rodrigues e Rui Paixão
Cenário: A2G Arquitectura – Ângela Frias e Gonçalo Dias
Figurinos: Julieta Rodrigues
Adereços: Suzete Rebelo
Sonoplastia: Flanco
Coordenação Técnica, Cenografia e Operação de Som: Emanuel Santos
Matosinhos, no Jardim do Senhor do Padrão, 16h e 18h;
É gratuito mas deverão levantar os bilhetes perto do local, no posto de turismo até às 13h!

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ESTREIA DIA 09 ÁS 19H, FAMALICÃO

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

TEATRO AMADOR DE POMBAL 360º

RESIDÊNCIA ARTÍSTICA - CRIAÇÃO

O encontro artístico entre a Companhia RADAR 360º e o TAP já tem um passado em comum! As horas passadas em sala de ensaios a explorar personagens e situações insólitas, deram para concluir que há algo que nos aproxima, e numa primeira instância diríamos que o nosso lugar comum, é o sentido de humor que partilhamos inspirado pelo absurdo da própria vida! Segundo Albert Camus, “O absurdo é a razão lúcida que constata os seus limites.” Seremos então absurdos! Algures entre a dimensão onírica e o humor negro que caracteriza o imaginário da Companhia RADAR 360º, o nosso trabalho com o TAP encontra a sua expressão estética e artística no universo do absurdo! Vamos dar início ao processo criativo!

PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

CICLO DE CIRCO TRENGOLAS, 30 AGOSTO, PORTO

Pequena CircOOnferência é uma conferência sobre o circo!
Dedicada ao pequeno público, a performance flutua entre o rigor histórico da História do Circo Europeu, e a dimensão onírica de um historiador que aspira ser um artista de Circo.
Este projeto é um “Work-in-Progress”, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que irá estrear em 2021.


Direção Artística e Interpretação – António Franco de Oliveira
-Dramaturgia e Figurinos – Julieta Rodrigues

– Apoio Técnico – Bernardo Santo Tirso

11h e 12h, Jardim de São Roque, Porto

HISTÓRIAS SUSPENSAS

TEATRO-CIRCO, DIA 02 ás 16h e 18h, Matosinhos

Imaginamos três narradores de histórias. O corpo e a voz saltam para dentro das histórias, agindo e reagindo através de voos, voltas e reviravoltas. Criam-se desvios que nos levam a outras pequenas histórias. A ideia de suspensão acontece na acção e no enredo, que surpreende a cada momento. O Tempo nas histórias, ou pára ou passa muito rápido… aqui suspende-se no olhar de quem assiste e partilha esta aventura! O que vem a seguir?!
Direção Artística: Joana Providência
Intérpretes e Co-criadores: António Franco de Oliveira, Julieta Rodrigues e Rui Paixão
Cenário: A2G Arquitectura – Ângela Frias e Gonçalo Dias
Figurinos: Julieta Rodrigues
Adereços: Suzete Rebelo
Sonoplastia: Flanco
Coordenação Técnica, Cenografia e Operação de Som: Emanuel Santos
Matosinhos, no Jardim do Senhor do Padrão, 16h e 18h;
É gratuito mas deverão levantar os bilhetes perto do local, no posto de turismo até às 13h!

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ESTREIA DIA 09 ÁS 19H, FAMALICÃO

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

TEATRO AMADOR DE POMBAL 360º

RESIDÊNCIA ARTÍSTICA - CRIAÇÃO

O encontro artístico entre a Companhia RADAR 360º e o TAP já tem um passado em comum! As horas passadas em sala de ensaios a explorar personagens e situações insólitas, deram para concluir que há algo que nos aproxima, e numa primeira instância diríamos que o nosso lugar comum, é o sentido de humor que partilhamos inspirado pelo absurdo da própria vida! Segundo Albert Camus, “O absurdo é a razão lúcida que constata os seus limites.” Seremos então absurdos! Algures entre a dimensão onírica e o humor negro que caracteriza o imaginário da Companhia RADAR 360º, o nosso trabalho com o TAP encontra a sua expressão estética e artística no universo do absurdo! Vamos dar início ao processo criativo!

PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

CICLO DE CIRCO TRENGOLAS, 30 AGOSTO, PORTO

Pequena CircOOnferência é uma conferência sobre o circo!
 Dedicada ao pequeno público, a performance flutua entre o rigor histórico da História do Circo Europeu, e a dimensão onírica de um historiador que aspira ser um artista de Circo. 
Este projeto é um “Work-in-Progress”, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que irá estrear em 2021.
Direção Artística e Interpretação – António Franco de Oliveira
Dramaturgia e Figurinos – Julieta Rodrigues
Apoio Técnico – Bernardo Santo Tirso
11h e 12h, Jardim de São Roque, Porto

JULHO 2020

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos
alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os
riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma
das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus
artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo
contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

ADAMASTOR

CIRCO CONTEMPORÂNEO - ENSAIOS

ADAMASTOR é um exercício de Circo Contemporâneo, dirigido artisticamente por António Franco de Oliveira e interpretado pelos alunos do primeiro ano do INAC (Instituto Nacional de Artes do Circo). Esta performance é um ato criativo que pretende refletir sobre os riscos do mundo presente, mergulhando no passado… para melhor interpretar o futuro! A arte sempre foi um lugar de risco, pois uma das suas características fundamentais é a de saber lidar com a dúvida, com o desconhecido, como parte integrante dos seus processos
criativos. O Circo sempre foi por excelência a eterna arte do risco! Através das metáforas presentes no gesto e no virtuosismo dos seus artistas, o Circo sempre encarou o risco com a maturidade necessária para o desafiar, o abraçar, o minimizar e o ultrapassar! A peça
não pretende ser um ensaio sobre o medo, sobre os “gigantes adamastores” que nos intimidaram ao longo da nossa história, muito pelo contrário, a peça propõe-se a ser um lugar repleto de esperança!

Imagem Créditos:
Rosa dos Ventos, Jorge de Aguiar, 1492
Replica por: Alvesgaspar

Estreia 09 Agosto, 19h
ANIMA-TE – V.N. Famalicão, Parque da Devesa.

PEQUENA CIRCOONFERÊNCIA

CICLO DE CIRCO TRENGOLAS, 30 AGOSTO, PORTO

Pequena CircOOnferência é uma conferência sobre o circo!
Dedicada ao pequeno público, a performance flutua entre o rigor histórico da História do Circo Europeu, e a dimensão onírica de um historiador que aspira ser um artista de Circo.
Este projeto é um “Work-in-Progress”, um prólogo de um espetáculo de grande formato intitulado CircOOnferência, que irá estrear em 2021.
– Direção Artística e Interpretação  António Franco de Oliveira
– 
Dramaturgia e Figurinos – Julieta Rodrigues

– Apoio Técnico – Bernardo Santo Tirso
11h e 12h, Jardim de São Roque, Porto

JUNHO 2020

A PREPARAR O REINÍCIO

Pensamentos e Ações para retomar a atividade num futuro próximo

Novidades a anunciar em breve!

A PREPARAR O REINÍCIO

Pensamentos e Ações para retomar a atividade num futuro próximo

Novidades a anunciar em breve!

A PREPARAR O REINÍCIO

Pensamentos e Ações para retomar a atividade num futuro próximo

Novidades a anunciar em breve!

MAIO 2020

(RE)PENSAR O ESPAÇO PÚBLICO

Tele-Conferência internacional | 3 Maio | 18h30 | via ZOOM

“O espaço público é um lugar de relações, conexões e partilha entre pessoas. A condição pandémica atual impede-nos de utilizar o espaço público e desafia-nos a (re)pensar a sua utilização futura. Que desafios enfrentamos? Que oportunidades para relançar as artes de rua? Será a intervenção artística no espaço público essencial para o retomar da confiança social?”

Oradores: Julieta Santos, Marta Martins, Tena Busquets e António Franco de Oliveira (Toni Oliveira);

Organização: Bússula, Outdoor Arts Portugal.

(RE)PENSAR O ESPAÇO PÚBLICO

Tele-Conferência internacional | 3 Maio | 18h30 | via ZOOM

“O espaço público é um lugar de relações, conexões e partilha entre pessoas. A condição pandémica atual impede-nos de utilizar o espaço público e desafia-nos a (re)pensar a sua utilização futura. 
Que desafios enfrentamos? Que oportunidades para relançar as artes de rua? Será a intervenção artística no espaço público essencial para o retomar da confiança social?”

Oradores: Julieta Santos, Marta Martins, Tena Busquets e António Franco de Oliveira (Toni Oliveira);

Organização: Bússula, Outdoor Arts Portugal.

Info’s: https://bit.ly/3d2lXs2
Inscrições: https://bit.ly/2VsmPQM

(RE)PENSAR O ESPAÇO PÚBLICO

Tele-Conferência internacional | 3 Maio | 18h30 | via ZOOM

“O espaço público é um lugar de relações, conexões e partilha entre pessoas. A condição pandémica atual impede-nos de utilizar o espaço público e desafia-nos a (re)pensar a sua utilização futura. 
Que desafios enfrentamos? Que oportunidades para relançar as artes de rua? Será a intervenção artística no espaço público essencial para o retomar da confiança social?”

Oradores: Julieta Santos, Marta Martins, Tena Busquets e António Franco de Oliveira (Toni Oliveira);

Organização: Bússula, Outdoor Arts Portugal.

Info’s: https://bit.ly/3d2lXs2
Inscrições: https://bit.ly/2VsmPQM

ABRIL 2020

MARÇO 2020

ARQUÉTIPO

Dança | Circo | Abrantes = ADIADO + informações em breve

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espetador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! O epicentro da narrativa é um mergulho subcutâneo em direção ao nosso EU primitivo. A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea. De facto, ele não é o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado! 

Photo: Susana Chicó

Intérpretes photo: Joana Martins, João Santiago

ARQUÉTIPO

Dança | Circo | Abrantes = ADIADO + informações em breve

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espetador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! O epicentro da narrativa é um mergulho subcutâneo em direção ao nosso EU primitivo. A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea. De facto, ele não é o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado! 

Photo: Susana Chicó

Intérpretes photo: Joana Martins, João Santiago

ARQUÉTIPO

Dança | Circo | Abrantes = ADIADO + informações em breve

ARQUÉTIPO é uma performance escrita para o espaço público, que convida o espetador a refletir sobre o tema do “Amor” na sociedade contemporânea! O epicentro da narrativa é um mergulho subcutâneo em direção ao nosso EU primitivo. A linguagem artística do projeto situa-se entre a dança e a acrobacia contemporânea. De facto, ele não é o Romeu… e ela não é a Julieta, mas a performance propõe-se a ser à sua maneira, uma reescrita improvável de Shakespeare dançado! 

Photo: Susana Chicó

Intérpretes photo: Joana Martins, João Santiago

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

PALHETA - FANFARRA KÁUSTIKA + RADAR 360º

Concerto | Performance | 07 Março, 22h, Gafanha da Nazaré

A Companhia RADAR 360º junta os seus 15 anos de percurso artístico ao som e à presença da ilustre FANFARRA KÁUSTIKA, num concerto performativo no âmbito do Palheta, Festival anual de Robertos e Marionetas . Ao som do original “Transe Sinfónico” esbatemos a fronteira do tempo, e viajamos numa cronologia intemporal que irá pôr em cena excertos das performances do reportório da Companhia RADAR 360º! Este concerto performativo é uma mistura explosiva e contagiante de movimento, som e luz, revestido de uma carga poética e simbólica que sempre caracterizou estes dois carismáticos projetos artísticos ao longo dos anos.

PALHETA - FANFARRA KÁUSTIKA + RADAR 360º

Concerto | Performance | 07 Março, 22h, Gafanha da Nazaré

A Companhia RADAR 360º junta os seus 15 anos de percurso artístico ao som e à presença da ilustre FANFARRA KÁUSTIKA, num concerto performativo no âmbito do Palheta, Festival anual de Robertos e Marionetas . Ao som do original “Transe Sinfónico” esbatemos a fronteira do tempo, e viajamos numa cronologia intemporal que irá pôr em cena excertos das performances do reportório da Companhia RADAR 360º! Este concerto performativo é uma mistura explosiva e contagiante de movimento, som e luz, revestido de uma carga poética e simbólica que sempre caracterizou estes dois carismáticos projetos artísticos ao longo dos anos.

PALHETA - FANFARRA KÁUSTIKA + RADAR 360º

Concerto | Performance | 07 Março, 22h, Gafanha da Nazaré

A Companhia RADAR 360º junta os seus 15 anos de percurso artístico ao som e à presença da ilustre FANFARRA KÁUSTIKA, num concerto performativo no âmbito do Palheta, Festival anual de Robertos e Marionetas . Ao som do original “Transe Sinfónico” esbatemos a fronteira do tempo, e viajamos numa cronologia intemporal que irá pôr em cena excertos das performances do reportório da Companhia RADAR 360º! Este concerto performativo é uma mistura explosiva e contagiante de movimento, som e luz, revestido de uma carga poética e simbólica que sempre caracterizou estes dois carismáticos projetos artísticos ao longo dos anos.

FEVEREIRO 2020

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

JANEIRO 2020

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

CircOOnferência

Formação | Performance

CircOOnferência é o novo projeto de formação e sensibilização, destinado ás crianças e aos docentes, criado pela Companhia RADAR 360º em parceria com a Educação e Mediação Cultural d’a Oficina, CCVF em Guimarães.
No ano letivo de 2019/20, o Circo Contemporâneo junta-se ao Teatro à Dança e à Música e invade as escolas de Guimarães. As atividades pedagógicas irão fomentar a pesquisa a experimentação e a descoberta, e serão um motor para a criação de um espetáculo final.
CircOOnferência tem a direcção Artística e Pedagógica de António Franco de Oliveira.

Oficina de Artes de Rua e Circo

Oficina | Performance

O Instituto de Gouveia – Escola profissional, vai acolher a oficina de Artes de Rua e Circo ministrada pela Companhia RADAR 360º. 
Esta formação será realizada no âmbito do curso Técnico Animador Sociocultural. A formação irá concluir com uma apresentação pública em formato deambulatório, no próximo mês de Fevereiro!

Oficina de Artes de Rua e Circo

Oficina | Performance

O Instituto de Gouveia – Escola profissional, vai acolher a oficina de Artes de Rua e Circo ministrada pela Companhia RADAR 360º. 
Esta formação será realizada no âmbito do curso Técnico Animador Sociocultural. A formação irá concluir com uma apresentação pública em formato deambulatório, no próximo mês de Fevereiro!

Oficina de Artes de Rua e Circo

Oficina | Performance

O Instituto de Gouveia – Escola profissional, vai acolher a oficina de Artes de Rua e Circo ministrada pela Companhia RADAR 360º. 
Esta formação será realizada no âmbito do curso Técnico Animador Sociocultural. A formação irá concluir com uma apresentação pública em formato deambulatório, no próximo mês de Fevereiro!